17 de maio

GDF - Administrações Regionais
Maria da Penha ONLINE Governo do Distrito Federal
2/05/24 às 9h57 - Atualizado em 2/05/24 às 15h08

Administradores regionais conhecem nova plataforma de atendimento ao cidadão

COMPARTILHAR

Foi apresentada, nesta terça-feira (30), uma nova plataforma para atendimento 24 horas aos cidadãos para todos os administradores regionais do Distrito Federal. O Governo do Distrito Federal (GDF) está preparando o lançamento, neste mês de maio, de uma ferramenta de gestão que pretende simplificar e facilitar o acesso da população aos serviços nas cidades.

“Apresentamos aos administradores um novo sistema de atendimento ao cidadão que vai facilitar para a população e ajudar na definição de políticas públicas”, explica o secretário de Governo, José Humberto Pires de Araújo. As administrações regionais são a porta de entrada de atendimento à população e o caminho mais próximo do cidadão para a acesso aos serviços públicos.

Lançada em abril de 2022, a Administração Regional Digital 24 Horas tem como objetivo aprimorar o canal de comunicação entre os moradores e o poder público. Além disso, a ferramenta facilitará para os gestores o planejamento e execução de demandas, além de proporcionar mais transparência para as ações.

A plataforma permitirá que os cidadãos façam solicitações de serviços de forma digital a qualquer hora do dia, sem precisar se deslocar até a administração regional.

Como forma de capacitar os servidores públicos das administrações, entre os dias 13 e 17 de maio, eles participarão de um curso na Escola de Governo do Distrito Federal (Egov) para aprenderem a usar a plataforma e melhorarem o atendimento ao cidadão de maneira rápida e eficiente.

Atendimento 24 horas

Um elo importante entre a população e o Governo do Distrito Federal (GDF), as administrações regionais oferecem atendimento 24 horas por dia. O programa aproxima o governo da população para que ela possa indicar o que precisa ser feito, corrigido e elogiado nas cidades em qualquer dia, horário e local.

Além da Secretaria de Governo, também participam do projeto a Controladoria-Geral e a Secretaria de Economia.

Essa iniciativa visa proporcionar manutenção proativa, maior transparência e responsabilização, promoção da inclusão social, além de auxiliar na gestão e em decisões estratégicas.

Mapa do site Dúvidas frequentes